31 outubro, 2006

Quae vult rex fieri, sanctae sunt congrua legi.

Photobucket - Video and Image Hosting

Vocês já notaram que a moda atual é o TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade)?

A criança é ativa, criativa, não para quieta, mas não consegue encontrar formas de se expressar. O que os pais fazem então? Educam e procuram proporcionar isso, certo? Errado! Dopam a criança com Ritalina, uma droga que age no córtex cerebral, tendo efeito depressivo, para ela ficar quieta (e o termo depressivo não quer dizer que a pessoa ficará triste, mas que a pessoa terá o seu metabolismo alterado para mais lento. Algumas drogas fazem o contrário, deixam o metabolismo mais ativo).
Só que isso prejudica o desenvolvimento normal dela.

Uau, brilhante!
Ao invés de você cuidar do seu filho, você o apaga como se fosse um brinquedo, porque "é muito custoso cuidar dele, você trabalha muito, eles requerem muita energia, meu filho é uma peste, só reclamam dele na escola, etc". Todo mundo aqui já ouviu essa lenga-lenga.

A definição do TDAH é:

- freqüentemente irriquieto com as mãos ou os pés, ou se contorcendo na cadeira
- frequentemente sai da carteira quando se espera que fique lá
- fica correndo excessivamente
- incapaz de atentar para detalhes ou comete erros
- parece não estar ouvindo

Se formos analisar esse proposto, aí é que a coisa pega. Pelo que eu sei, já que tenho alguns anos de praia e, apesar de ter passado a muito do tempo da escola, provavelmente eu seria íncluso nesse diagnóstico, já que:

- qualquer moleque/moleca é irriquieto por natureza e tem uma energia inesgotável para queimar.
- qualquer um aqui saí da carteira porque não agüenta mais aquele débil mental lá na frente enchenco o saco com besteiras, ao invéz de ir diretamente ao ponto.
- hummm...vejam bem, querer correr logo para jogar bola, praticar esporte, ou querer encontrar suas amigas para fofocar, coisa normalíssima com crianças e adolescentes, agora virou doença.
- cometer erros também é errado, com o perdão do pleonasmo, já que a raça humana se desenvolveu por este processo e o ser humano aprende assim! Incapacidade de atentar para detalhes é coisa própria da criança e do adolescente, já que ele está aprendendo como as coisas funcionam e não tem a experiência que nós, bando de múmias velhas, temos.
- alguém já viu alguma criança ou adolescente ouvir os pais? :P :D

Sabem o que é melhor (no caso, pior)? As vezes nem dá pra culpar os pais - que são uns boçais, vamos ser sinceros, qualquer pai e mãe o é para uma criança ou adolescente! -, já que a indústria farmacêutica fez um trabalho tão bom em incutir na cabeça das pessoas que essa doença existe, que poucos a contestam.

Só para vocês saberem, não existe um único estudo conclusivo, com provas (e contra-provas) materiais, de que o TDAH exista. Inclusive, as indústrias farmacêuticas e laboratórios não sabem a sua causa!
Mas vendem um remédio para isso.

A Ritalina tem como princípio ativo o metilfanidato, substância que se encontra na mesma categoria farmacológica de alto potêncial de vício que a cocaína e a anfetamina. A ritalina tem o efeito de "acalmar" e "tornar dócil" crianças e adolescentes considerados difíceis. Todos ficam felizes: os pais, os professores e a indústria farmacêutica.
Menos a criança/adolescente.

Porém, ninguém fala sobre os efeitos colaterais da droga: dor de cabeça, taquicardia e insônia. Alguns médicos, como o doutor Bob Jacobs, da Rede dos Direitos da Criança da Anistia Internacional, provou que psicoestimulantes - como a nossa Ritalina - podem causar danos cerebrais permanentes, reação obsessivo-compulsíva, inibição do crescimento, depressão e até parada cardíaca, nos casos mais extremos.

Se vocês querem um exemplo disso, de como remédios assim são imprevisíveis, eu posso ser a cobaia: recentemente batí meu joelho e tive uma inflamação no "patalo" (um ligamento do joelho). O médico me receitou um antí-inflamatório (Prextige 400mg), que me causou insônia, urticária e deixou minhas mãos com várias ferídas em suas extremidades.
Se um antí-inflamatório faz isso, imaginem uma droga que é psicoativa?

Talvez essa possa ser a explicação do porque crianças e adolescentes desenvolverem hoje em dia depressão, fadiga, insônia, síndrome de pânico e outras doenças psíquicas e não porque elas sofrem "bullying" ou TDAH!
Enquanto isso, parece que é mais fácil dopar e sedar uma pessoa, do que educá-la.

Bem vindos ao Admirável Mundo Novo.

Ah, só uma nota...

Existia um menino de 16 anos, que depois de ter sido expulso de vários colégios, se formou em um colégio militar com as piores notas, inclusive tendo a suspeita de ter colado para isso. Em uma carta, seu pai dizia: "Neste seu fracasso você demonstrou sem nenhuma refutação seu estilo de atuação relapso, inconseqüente e bagunceiro (pô, eu já ouví isso de meu pai também! :P ). Estou certo de que, se você não for capaz de evitar a vida indolente, inútil e improdutiva que levou durante sua juventude, você se tornará um reles vagabundo, que se degenerará numa existência fútil e infeliz".
Seu boletim escolar dizia: "Conduta excessivamente ruim, sempre se metendo em alguma enrascada, um problema constante para todos, não dá para se esperar que se comporte adequadamente em algum lugar".

Provavelmente ele seria diagnosticado com TDAH hoje em dia.

Ah, esse menino era Winston Churchill, Primeiro-Ministro da Inglaterra na 2ª Guerra Mundial, responsável por resistir a Hitler e evitar que ele tomasse controle da Europa, ganhador de um Prêmio Nobel e tido como o mais ilustre cidadão britânico de todos os tempos.

Repito novamente: bem vindos ao Admirável Mundo Novo.

2 comentários:

Barbarian disse...

Pois é, eu que fui expulso de 5 escolas seguidas, hoje ensino desenho e informática pra crianças carentes, obtendo maior sucesso que as merdas de instituições e psicólogos. Médicos e psicólogos me chamavam de retardado apesar de ter um QI estimado em 180, hoje sou desenhista publicitário e T.I. Parabéns ao sistema de ensino brasileiro, agora mancomunado com a máfia farmacêutica, se fosse por eles hoje eu estaria babando e rodando um prato.

ZAPPA ESTAVA CERTO: MANDE A ESCOLA SE FODER E VÁ À BIBLIOTECA. MANDE SEU MÉDICO CHUPAR ROLA E APRENDA A USAR SUPLEMENTOS.

Defensor, O Maldito disse...

Saudações
Este é o cruel retrato de um mundo podre e dominado por pessoas gananciosas, que só pensam em aumentar suas fortunas. A indústria farmacêutica não está nem aí com o ser humano, pelo contrário.
Abraços