09 junho, 2007

Scorpions Live

Scorpions ao vivo!
Precisa dizer mais? ;-)

Estão aqui duas fases distintas da banda, o começo deles e a mais pop, da década de 80.
Quem não conhece o Scorpions da década de 70 - o que é bastante comum, diga-se -, se assusta de ver tremendos trabalhos de qualidade, bastante pesados e muito bluesados.
Álbuns como Fly to the Rainbow, In Trance, Taken by Force e Virgin Killer (ainda acho a capa original dele foderosíssima!), até desaguar no estupendo "Tokyo Tapes", são de qualidade ímpar e ajudaram a moldar o som da banda.

Porém, o sucesso mundial mesmo só veio com o lançamento dos álbuns da década de 80, como Lovedrive, Animal Magnetism, Blackout, Love at First Sting, até chegar no "World Wide Live". O pessoal que curte mais a fase antiga, gosta de descer lenha nas músicas desse período, mas não se engane, elas são de extrema qualidade nestes álbuns, capazes de rivalizar com as antigas pau a pau!

O problema foi que a partir daí, com o álbum Savage Amusement, a banda meio que começou a virar um Journey ou Asia, com sons bastante moldados para se ouvir no rádio e experimentalismo/progressivo moderno.
Totalmente descartável.

Segundo o pessoal, eles voltaram a tocar o rock pesado e crú que fez sua fama, com o trabalho de 2004, Unbreakable.
E segundo o Barbarian Figther, da Taverna do Bárbaro, o último deles, Humanity - Hour 1, (que eu não ouví) está bem legal e vocês podem encontrá-lo por lá .
Os dois acompanham os respectivos encartes e estão em qualidade MP3 320Kbps e APE (lossless)

O link é para um arquivo texto, que contém os links reais para você escolher qual qualidade deseja baixar.
The link is for a text file, with the real links inside, so you can choose what quality do you want.

Tokyo Tapes (1978)


01. All Night Long 3:34
02. Pictured Life 3:22
03. Backstage Queen 3:39
04. In Trance 5:28
05. We'll Burn The Sky 8:11
06. Suspender Love 3:40
07. In Search Of The Peace Of Mind 3:01
08. Fly To The Rainbow 9:38
09. He's A Woman, She's A Man 5:21
10. Speedy's Coming 3:35
11. Top Of The Bill 6:51
12. Hound Dog 1:14
13. Long Tall Sally 2:47
14. Steamrock Fever 3:42
15. Dark Lady 4:21
16. Kojo Na Tsuki 3:34
17. Robot Man 5:48

Download


World Wide Live (1985)


01 "Countdown" [Instrumental] (Meine/Jabs) – 0:31
02 "Coming Home" (Schenker/Meine) – 3:15
03 "Blackout" (Schenker/Meine/Rarebell/Kittelsen) – 3:40
04 "Bad Boys Running Wild" (Schenker/Meine/Rarebell) – 3:47
05 "Loving You Sunday Morning" (Schenker/Meine/Rarebell) – 4:36
06 "Make It Real" (Schenker/Rarebell) – 3:27
07 "Big City Nights" (Schenker/Meine) – 4:49
08 "Coast to Coast" (Schenker) – 4:40
09 "Holiday" (Schenker/Meine) – 3:12
10 "Still Loving You" (Schenker/Meine) – 5:44
11 "Rock You Like a Hurricane" (Schenker/Meine/Rarebell) – 4:04
12 "Can't Live Without You" (Schenker/Meine) – 5:28
13 "Another Piece of Meat" (Rarebell/Schenker) – 3:36
14 "The Zoo" (Schenker/Meine) – 5:46
15 "No One Like You" (Schenker/Meine) – 4:07
16 "Dynamite" (Schenker/Meine/Rarebell) – 7:05
17 "Can't Get Enough", Pt. 1 (Schenker/Meine) – 1:59
18 "Six String Sting" (Jabs) – 5:18
19 "Can't Get Enough", Pt. 2 (Schenker/Meine) – 1:52

Download

5 comentários:

fernando disse...

a primeira banda que tive o prazer de comprar um LP foi o Scorpions, com o Blackout em 82.
nem preciso dizer que pra mim é a banda preferida dentre todas as preferidas que curto, compro, baixo, ouço e etc etc etc...
parabéns pelo bom gosto.
e o novo deles está muito bom, sim, tem baladas, mas não são aquelas baladas chorosas de outras épocas, pós crazy world.
ahhh, esses eu já tenho, mas não poderia deixar de comentar.

Anônimo disse...

How do you download from the site that this is posted on???

Michel disse...

Tokyo Tapes...

Eu não sou fã de discos ao vivo, muito menos dos discos como os de hoje em dia, sem improvisos ou solos.

Mas tem alguns poucos que são excessão à regra. E como são bons! O Tokyo Tapes, se não for meu favorito, está lá entre eles. Ulrich Roth estava no seu auge criativo!

E, ok, o WWLive também é bom, mas porque os Scorpions ainda tinham uma puta presença de palco.

Agora eu vou discordar do Barbarian: o Humanity - Hour 1 é outra baba...

Lula Carneiro disse...

O Tokyo Tapes é o melhor disco dos Scorpions, na minha humilde opinião. Eu reconheço que não ouvi muita coisa deles, mas é foda desbancar um CD que tem All Night Long, In Trance, Speedy's Coming, Steamrock Fever e Robot Man.

Rock57 disse...

Scorpions! banda alemã que mostrou ao mundo que alemaes tb sabem fazer um hard-rock, com guitarras chorando, gritando, baladas, canções em ingles, com sonoridade europeia e ainda capaz de se comunicarem às mais diversas plateias de qq parte do mundo, desmistificando a imagem triste do holocausto, do alemão perverso, da raça superior, arrogante por excelencia etc... abs Rock57